O que devo evitar comer após a cirurgia bariátrica?

Muitos pacientes, após realizar a cirurgia bariátrica, tem dúvidas em relação ao que comer. A grande maioria sente-se perdido na hora de fazer suas escolhas.

O que muitos não sabem é que não só quem fez a cirurgia bariátrica mas todas as pessoas deveriam evitar o consumo dos seguintes alimentos:

1. Margarina (sinônimo de gordura vegetal hidrogenada, causando danos ao sistema cardiovascular).

2. Farinha branca (farinha de trigo enriquecida com ferro e ácido fólico e qualquer farinha que não seja integral: são pobres em fibras e com alto índice glicêmico, causando fome precoce e elevação da glicemia).

3. Frituras (ricas em calorias e gorduras ruins, causando danos ao sistema cardiovascular e ganho de peso a longo prazo).

4. Açúcar (açúcar cristal, mascavo, demerara, orgânico, xarope de glicose, maltodextrina, açúcar invertido, enfim, todos os tipos de açúcar. Basta ler os rótulos dos alimentos para saber se eles tem açúcar. Fuja deles!).

6. Suco clight e refrigerantes zero (mesmo sem calorias, são cheios de conservantes, aromatizantes e componentes cancerígenos, que prejudicam a saúde e comprometem a absorção de nutrientes. Troque por chá gelado, sem açúcar ou sucos naturais feitos com água gasosa).

7. Arroz branco, pão branco, massas que não sejam integrais (são pobres em fibras e não dão saciedade a longo prazo. Troque pelas versões integrais e, no caso do arroz branco, se não gostar do integral adicione linhaça ou chia depois de pronto).

8. Iogurtes com calda de frutas (a grande maioria tem açúcar escondido, até as versões light. Troque pelas versões desnatadas, aquelas mais simples e sem sabor. Adoce com xylitol ou stévia puro se sentir necessidade e acrescente frutas frescas).

9. Nesfit, biscoito clube social, biscoito água e sal e similares, mesmo nas versões light (cheios de açúcar escondido e gordura hidrogenada, causando danos ao sistema cardiovascular). 

10. Sucos de caixinha, inclusive os light (a grande maioria não são feitos de frutas e repletos de açúcar. Troque pelos naturais ou leia os rótulos. Algumas marcas não contém açúcar em sua composição - exemplo: "Do Bem", Natural One").

11. Pipoca de microondas, inclusive as verões light (lotadas de gordura hidrogenada e sódio, causando danos ao sistema cardiovascular. Substitua por pipoca feita em casa, sem gordura).

12. Sopas de pacote, inclusive as versões reduzidas em gordura e sódio (não possuem nutrientes, são extremamente processadas e pobres em fibras, não dão saciedade a longo prazo. Faça a sua própria sopa em casa e congele!).

Se você leu o rótulo e não conhece a grande maioria dos ingredientes que o alimento contém, não compre! Lembre-se que caloria não é sinônimo de nutriente. Não é porque um alimento é pobre em calorias que ele é adequado para o consumo. Consulte sempre seu nutricionista, que será o responsável para lhe orientar a fazer escolhas adequadas de acordo com seus hábitos e estilo de vida.